Bgames
Olá visitante! Seja bem vindo ao nosso fórum!

Para você ter total acesso ao nosso fórum é preciso que você se cadastre.

Cadastre-se Aqui!


PARA VER LINKS E IMAGENS É PRECISO SE REGISTRAR!

[Tutorial] Compilando seu Servidor

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Tutorial] Compilando seu Servidor

Mensagem por Erictemponi em Seg 9 Nov 2015 - 7:30

Demorou mas finalmente terminei o tutorial de como compilar bem explicadinho, para que aqueles que nunca ouviram a palavra "computador" na vida possam conseguir compilar o servidor.
Fiz mais focado no 6.x (WoD), pois o 3.3.5a já fiz o vídeo e o que mudou foi só ter que instalar umas coisinhas a mais no seu PC.

Fiz no meu Blog (pela facilidade de editar, etcetera e tals), vou apenas dar um Ctrl+C e Ctrl+V aqui pra vocês.

Link do tutorial: Compilando seu Servidor de World of Warcraft
NOTA: Não manjo de designer, então meu Blog é feio mesmo.
OUTRA NOTA: Caso tenha alguma dúvida, deu errado ou algo do tipo, não hesite em criar um tópico para sanar sua dúvida.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Este tutorial será bem extenso, por isso não irei ficar de lenga lenga. Bora lá.


Instalação dos programas



NOTAS INICIAIS: Antes de começarmos, sempre que você ver "Next"/"Próximo"/"Avançar", é a mesma bosta, assim como "Install"/"Instalar" e "I Agree"/"Eu Concordo" também são;
Sempre que for requisitada a permissão de usuário, basta clicar em "Sim"/"Yes";
Tudo que estiver em Itálico significa que é uma observação;


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] 




A instalação do Visual Studio é bem simples, basta você deixar o padrão do instalador e clicar em "Next/Próximo" e "Install/Instalar".
Após a instalação, abra o programa e depois feche-o.
Após instalar o Visual Studio, instale todos estes pacotes abaixo, que contém arquivos fundamentais que você precisará logo a frente. (Eles não servem apenas para criar seu servidor. Você pode precisar deles para rodar algum jogo ou algo do gênero)


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


90% dos problemas que vejo sobre a compilação estão na instalação desse programa, não do Git Extensions, mas do Git, que vem junto dele.
Ao iniciar a instalação, clique em "Next". Deixe a opção "Install for all users of this machine" marcada e clique em "Next". Marque as opções "MsysGit" e "KDiff3" e clique em "Next". Mantenha o diretório padrão e clique em "Next". Verifique se a opção "Visual Studio extension" está marcada para instalação (se não tiver um x vermelho então está) e clique em "Next". Deixe a opção "PuTTY (plink.exe)" marcada e clique em "Next". Agora clique em "Install".
Se pedir permissão de usuário é só clicar em "Sim".
Repare que alguns segundos após o início da instalação surgiu uma nova janela na sua Barra de Tarefas com uma outra instalação, é a instalação do KDiff3. Basta clicar em "Eu Concordo", ir clicando em "Próximo" e depois em "Instalar". Após o término da instalação, desmarque a opção "Mostrar o Readme" e clique em "Terminar".
Note que novamente outra janela apareceu na sua Barra de Tarefas, agora é o Git.
Clique em "Next". Se quiser ler isso aí, fique a vontade, depois clique em "Next". Mantenha o diretório padrão e clique em "Next". Marque o radio (bolinha) "Simple context menu (Registry based)" e clique em "Next". Deixa esse Git aí e clica em "Next". Marque a SEGUNDA opção "Use Git from the Windows Command Prompt" e clique em "Next". Deixe marcado a primeira opção "Checkout Windows-style, commit Unix-style line endings" e clique em "Next". Ao final da instalação, desmarque a opção "View ReleaseNotes.rtf", exceto se você quiser ler, e clique em "Finish".
Após isso, volte à janela do Git Extensions, espere a instalação terminar e clique em "Finish".
Entre no site da [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] e crie sua conta.
Após terminar a instalação, abra o Git Extensions, será pedido para você escolher o idioma, selecione o "Inglês"/"English" (É a primeira bandeira). Após isso, aparecerá uma nova janela de configuração com uma configuração em vermelho (a de email), clique em Repair. Em "Username" coloque o nome de usuário que você criou na GitHub e em "Email" coloque o seu e-mail da GitHub. Agora clique em "Apply" ou "OK".


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


A instalação do CMake é muito easy, basta ir clicando em "Next" e "Install".


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Se não quiser ler, assista o vídeo:


Esse aí também é facin facin a instalação. Depois de instalar, você precisa adicionar uma nova Variável de Ambiente, basta fazer o seguinte:
Abra o Painel de Controle, clique na categoria "Sistema e Segurança" e clique em "Sistema" (ou simplesmente apertar as teclas WinKey+Pause Break)
No canto superior esquerdo, clique em "Configurações avançadas do sistema", será aberta uma nova janela, clique em "Variáveis de Ambiente..."

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Na seção "Variáveis do sistema", clique em "Novo..."

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Preencha da seguinte forma:


Nome da variável: BOOST_ROOT


Valor da variável: O diretório onde você instalou o Boost, que por padrão é "C:\local\boost_1_55_0"


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Agora é só clicar em "OK".





[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]




Ao iniciar a instalação, clique em "Próximo". Se quiser ler o contrato fique a vontade, após ler, clique em "Eu Concordo". Mantenha o diretório padrão e clique em "Próximo". Clique em "Próximo" novamente. Marque a opção "Full install, including source code", isso irá marcar todos os checkbox "caixinhas", após isso, clique em "Instalar". Após o término da instalação, desmarque a opção "Mostrar o Readme" e clique em "Terminar".





[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]




Ao iniciar a instalação, clique em "Next". Aceite os termos de uso, marcando a caixa "I accept the terms in the License Agreement" e clique em "Next". Clique em "Complete" e clique em "Next". Agora clique em "Install".
Se pedir permissão do usuário, clique em "Sim".
Durante a instalação, será aberta uma nova janela, clique em "Next". Clique em "Next" novamente.
Ao término da instalação, deixe marcada a opção "Launch the MySQL Instance Configuration Wizard" e clique em "Finish".
Será aberta uma nova janela, clique em "Next". Deixe marcada a opção "Detailed Configuration" e clique em "Next". Deixe marcada a opção "Developer Machine" e clique em "Next". Deixe marcada a opção "Multifunctional Database" e clique em "Next". Mantenha o padrão do instalador e clique em "Next". Deixe marcada a opção "Decision Support (DSS)/OLAP" e clique em "Next". Mantenha o padrão e marque a caixa "Add firewall exception for this port" e clique em "Next".

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Marque a opção "Best Support For Multilingualism" e clique em "Next".

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Mantenha o padrão e clique em "Next".


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Deixe marcada a opção "Modify Security Settings" e escolha a senha do seu MySQL. (DICA: sempre uso ascent). Agora clique em "Next".


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Agora é só clicar em "Execute", aguardar um tempinho até ser configurado e o MySQL iniciado e depois clicar em "Finish".


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]









[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]




Ao iniciar a instalação, clique em "Next". Marque a caixa "I accept the agreement" e clique em "Next". Escolha o diretório onde quer instalar (pra não ter encheção de saco futuramente, mantenha o padrão)  e clique em "Next". A próxima tela é para criar um atalho no Menu Iniciar, deixe como está e clique em "Next". Marque a opção "The OpenSSL binaries (/bin) directory" e clique em "Next". Agora clique em "Install". Caso queira fazer uma doação, fique a vontade, caso não queira, desmarque todas as opções e clique em "Finish".







[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]




Ao iniciar a instalação, clique em "Avançar". Marque a opção "Eu aceito os termos de Contrato" e clique em "Avançar". Mantenha o diretório padrão e clique em "Avançar". A próxima janela é para criar uma atalho do programa no Menu Iniciar, deixe como está e clique em "Avançar". Esta parte é por sua conta, irei apenas traduzir (de cima para baixo) e você decide se é sim ou não. "Criar um ícone na Área de Trabalho"; "Associar os arquivos do tipo .SQL com o HeidiSQL"; "Verificar automaticamente por atualizações"; "Reportar automaticamente a versão do cliente e do servidor no site do HeidiSQL". Marque o que quiser e clique em "Avançar". Agora clique em "Instalar". Após o término da instalação, desmarque a opção "Launch HeidiSQL" e clique em "Concluir".







Obtendo o Código Fonte



Crie uma pasta chamada Server dentro de um dos seus Discos Locais (C, D, E), mas tem que ter pelo menos 5GB livres. (É importante que você crie dentro do Disco Local e não dentro de uma pasta que está dentro do Disco Local. Explico depois).


Clique com o botão direito do mouse sobre a pasta "Server" e clique em "GitExt Clone..." (Se a sua pasta for uma subpasta de outra subpasta ou algo similar, talvez não apareça a opção "GitExt Clone...". Isso porque o Windows é capaz de reconhecer um caminho de diretório de, no máximo, 259 caracteres, incluindo a Unidade, espaços e a extensão do arquivo. Como o Código Fonte a ser obtido tem bastante subpastas e mais subpastas com arquivos, pode ser que para chegar a este arquivo sejam necessários mais que 259 caracteres, então pra não dar merda, ele te proíbe de clonar em tal diretório).


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Será aberta uma nova janela com alguns campos a serem preenchidos, preencha da seguinte forma:


Repository to clone: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Destination: Deixe como está
Subdirectory to create: Core
Branch: 6.x


De início, o Branch estará em branco, basta você clicar naquela "setinha" para abrir as opções, esperar um pouco que os branchs irão aparecer. Se você quiser um servidor 3.3.5a (Lich King), escolha o branch 3.3.5. Escolha seu Branch e clique em "Clone"


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Agora é só aguardar um tempinho (ou tempão, dependendo da sua internet. O meu Core tem 1,1GB, então vai demorar um cadin bom). Após a eternidade e mais 14 minutos para o término do download, clique em "OK".



Compilando o Servidor




Entre na pasta Server, você verá uma pasta chamada Core, não entre nela. Crie uma pasta, dentro da pasta Server, chamada "Build".




Abra o CMake (cmake-gui). Em "Where is the source code:" coloque o caminho até a pasta Core, que está dentro da pasta Server. Em "Where to build the binaries:" coloque o caminho até a pasta Build, que também está dentro da pasta Server.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


OBS: Na imagem eu coloquei a pasta "Buildd" só porque a pasta "Build" já estava ocupada. O nome é indiferente, desde que a pasta exista e esteja vazia, não tem problema.




Clique em "Configure"


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Selecione a opção "Visual Studio 12 2013" e marque a opção "Use default native compilers". Agora clique em "Finish"


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Aguarde até que seja feita a configuração. Após isso, marque a caixa "TOOLS" e clique em "Configure" novamente.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Agora clique em "Generate". Espere aparecer a mensagem "Generating done" e você já pode fechar o CMake.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]




Entre na pasta "Build" e abra o arquivo "TrinityCore.sln". Se perguntar com qual programa você deseja abrir, escolha o Visual Studio 2013.


Assim que carregar, você irá clicar no menu "BUILD" e clicar em "Configuration Manager..."


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Em "Active solution configuration:", mude de "Debug" para "Release" e clique em "Close".


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


No "Solution Explorer" (Canto superior direito), clique com o botão direito do mouse sobre "ALL_BUILD" e clique em "Clean".


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Após terminar você verá uma mensagem parecida com esta:


========== Clean: 25 succeeded, 0 failed, 0 skipped ==========




Clique novamente com o botão direito do mouse sobre "ALL_BUILD" e clique em "Build".


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Bom, esta parte depende do seu PC, quanto mais lixo (ruim) ele for, mais demorado será. Então essa é a hora de ir tomar uma vitamina (sem açúcar) e dar aquela cagada.


Após você comer, cagar, escovar os dentes, passar fio dental, escovar os dentes novamente e beber água, você espera mais 14 minutos e finalmente termina.


Após terminar, você verá uma mensagem parecida com esta:


========== Build: 25 succeeded, 0 failed, 0 up-to-date, 0 skipped ==========


Você já pode fechar o Visual Studio.



Extraindo dbc, maps, vmaps e mmaps


Dentro da pasta "Build", entre na pasta "bin" e, logo em seguida, na pasta "Release". Copie os arquivos: "connection_patcher.exe", "mapextractor.exe", "mmaps_generator.exe", "vmap4assembler.exe" e "vmap4extractor" e cole-os dentro da pasta raiz do seu World of Warcraft. (NOTA: Se você está criando um Servidor na versão 3.3.5, você não verá o arquivo "connection_patcher.exe").
Clique duas vezes com o botão esquerdo do mouse sobre o aplicativo "mapextractor.exe", será aberta uma janela do Prompt de Comando do Windows, basta você aguardar até que os mapas e a dbc sejam extraídos.
Agora abra o Bloco de Notas e crie um arquivo.bat contendo o seguinte código:
vmap4extractor.exe
md vmaps
vmap4assembler.exe Buildings vmaps
pause

Salve o arquivo na pasta raiz do seu World of Warcraft com qualquer nome.bat (não se esqueça de por .bat).
Dê um duplo clique sobre o seu arquivo.bat. Novamente será aberta uma janela do Prompt de Comando do Windows, aguarde até que a extração termine. Após terminar será exibida uma mensagem na janela do Prompt de Comando parecida com esta: "Pressione qualquer tecla para sair..."
Se você reparar, foram criadas algumas pastas, exclua a pasta "Buildings" e deixe todas as outras.
Caso queira extrair o Movement Maps (mmaps), é só executar o aplicativo "mmaps_generator.exe" no mesmo diretório onde estão as pastas "maps" e "vmaps" (Vai demorar bastante). O Movement Maps é uma mistura dos Maps com o Vector Maps (vmaps) que cria uma linha de movimento para as criaturas do jogo como por exemplo: Um NPC não subir em uma escada por uma parte onde seria impossível ele subir. Ele terá que ir no início da escada para depois começar a subi-la.
OBS: Os aplicativos que você copiou da pasta "Release" já podem ser excluídos da mesma se você quiser


Configurando o Servidor




Dentro da pasta "Build", entre na pasta "bin" e, logo em seguida, na pasta "Release". Você verá alguns arquivos e alguns programas, mas ainda precisaremos de mais alguns arquivos.


Entre no diretório onde o MySQL foi instalado, entre na pasta "lib", copie o arquivo "libmysql.dll" (C:\Program Files (x86)\MySQL\MySQL Server 5.5\lib\libmysql.dll) e cole na pasta "Release".


Entre no diretório onde o ZeroMQ foi instalado, entre na pasta "bin", copie o arquivo "libzmq-v120-mt-4_0_4.dll" (C:\Program Files (x86)\ZeroMQ 4.0.4\bin\libzmq-v120-mt-4_0_4.dll) e cole na pasta "Release".


Entre no diretório onde o OpenSSL foi instalado, entre na pasta "bin", copie os arquivos "libeay32.dll" e "ssleay32.dll" (C:\OpenSSL-Win32\bin) e cole-os na pasta "Release".




Dentro da pasta "Release", crie uma pasta chamada "Logs". Renomeie os arquivos "bnetserver.conf.dist" e "worldserver.conf.dist" para "bnetserver.conf" e "worldserver.conf".


Abra o arquivo "bnetserver.conf" com o Bloco de Notas ou qualquer outro editor de texto e procure por:


LogsDir = ""


mude para:


LogsDir = "Logs"




LoginDatabaseInfo = "127.0.0.1;3306;trinity;trinity;auth"


mude para:


LoginDatabaseInfo = "127.0.0.1;3306;root;ascent;auth" (root é o usuário do MySQL, ascent é a senha que colocamos no MySQL durante a configuração do mesmo, se você pôs outra senha, então você deve por essa senha onde eu coloquei o ascent).




Abra o arquivo "worldserver.conf" com o Bloco de Notas ou qualquer outro editor de texto e procure por:
DataDir = "."
mude para:
DataDir = "D:\Jogos\World of Warcraft" (A pasta raiz do seu WoW, onde estão dbc, maps, vmaps e mmaps (se você extraiu))


LogsDir = ""


mude para:


LogsDir = "Logs"




LoginDatabaseInfo     = "127.0.0.1;3306;trinity;trinity;auth"
WorldDatabaseInfo     = "127.0.0.1;3306;trinity;trinity;world"
CharacterDatabaseInfo = "127.0.0.1;3306;trinity;trinity;characters"
HotfixDatabaseInfo    = "127.0.0.1;3306;trinity;trinity;hotfixes"


mude para:


LoginDatabaseInfo     = "127.0.0.1;3307;root;ascent;auth"
WorldDatabaseInfo     = "127.0.0.1;3307;root;ascent;world"
CharacterDatabaseInfo = "127.0.0.1;3307;root;ascent;characters"
HotfixDatabaseInfo    = "127.0.0.1;3307;root;ascent;hotfixes"


Se você extraiu o Movement Maps (mmaps), então:
mmap.enablePathFinding = 0
mude para
mmap.enablePathFinding = 1


Updates.EnableDatabases = 0


mude para:


Updates.EnableDatabases = 15




Updates.SourcePath  = ""


mude para:


Updates.SourcePath  = "../../../Core" (Diretório do Código Fonte que você clonou da GitHub)




Updates.MySqlCLIPath = ""


mude para:


Updates.MySqlCLIPath = "C:/Program Files (x86)/MySQL/MySQL Server 5.5/bin/mysql.exe" (Diretório onde está o seu MySQL)



Configurando Banco de Dados



Entre no diretório do MySQL (C:\Program Files (x86)\MySQL\MySQL Server 5.5), abra o arquivo "my.ini" com o Bloco de Notas ou qualquer outro editor de texto (Como Administrador) ou abra o Bloco de Notas como Administrador, clique em "Arquivo", clique em "Abrir...", navegue até o diretório do MySQL e abra o arquivo "my.ini".


Dentro do arquivo "my.ini", procure por: [mysqld] (é [mysqlD] e não [mysql]), adicione a seguinte linha logo abaixo de [mysqld]:


max_allowed_packet=32M


Feche e salve o arquivo "my.ini".


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]




Abra o Menu Iniciar e digite "MySQL", aparecerá o aplicativo "MySQL 5.5 Command Line Client", abra-o. Ao abrir, ele pedirá a senha do MySQL (Aquela que definimos durante a configuração do MySQL, no meu caso é ascent). Digite a senha e dê "Enter". Após inserir a senha irá aparecer alguns comandos que você pode usar. Você já pode fechar a janela do MySQL.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Abra o HeidiSQL. No canto inferior esquerdo, clique em "Nova".

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Já vai estar tudo preenchido, com exceção da senha, coloque sua senha e clique em "Salvar". Agora clique em "Abrir".

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Ao abrir o HeidiSQL, clique na aba "Consulta".

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Dentro deste textarea (Retângulo para escrever) cole o seguinte código:
CREATE DATABASE `world` DEFAULT CHARACTER SET utf8 COLLATE utf8_general_ci;
CREATE DATABASE `characters` DEFAULT CHARACTER SET utf8 COLLATE utf8_general_ci;
CREATE DATABASE `auth` DEFAULT CHARACTER SET utf8 COLLATE utf8_general_ci;
CREATE DATABASE `hotfixes` DEFAULT CHARACTER SET utf8 COLLATE utf8_general_ci;

Agora clique em "Executar" (F9).

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Agora clique com o botão direito do mouse sobre "Unnamed" e clique em "Atualizar" (F5).

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Repare que apareceram novos Bancos de Dados, clique no banco de dados "auth".
Entre na sua pasta "Server", entre na pasta "Core", entre na pasta "sql", entre na pasta "base". Arraste o arquivo "auth_database.sql" para o ícone do HeidiSQL na sua Barra de Tarefas, a janela do HeidiSQL será aberta, solte o arquivo "auth_database.sql" no textarea da aba "Consulta". Ao fazer isso, você estará carregando o arquivo "auth_database.sql" no HeidiSQL, após isso, clique em "Executar" (F9). Se não entendeu, veja o vídeo abaixo:


Agora clique no Banco de Dados "characters" e repita o processo feito anteriormente.
Você já pode fechar o HeidiSQL.
Entre no [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] e crie sua conta. Agora entre em sua conta.
Entre na página de [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] da TDB 6 Full. No canto superior direito, clique em "Download this file"

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Provavelmente o arquivo virá com uma extensão cheia de letras e números. Apague tudo isso e renomeie o arquivo para qualquer_coisa.7z. Após isso, clique com o botão direito do mouse sobre o arquivo e clique em "Extrair aqui". Serão extraídos 2 arquivos.sql e uma pasta. Os arquivos.sql devem ser parecidos com estes: "TDB_full_hotfixes_6.02_2015_07_14.sql" e "TDB_full_world_6.02_2015_07_14.sql". Copie os 2 arquivos.sql e cole-os dentro da sua pasta "Release", que fica dentro da pasta "bin", que fica na pasta "Core", que está na pasta "Server".
Sua pasta "Release" deve ficar como está:

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Agora abra o aplicativo "bnetserver.exe", espere um pouco. Talvez seja requisitado a permissão do Firewall, é só permitir como Privada.
Agora abra o aplicativo "worldserver.exe", espere um pouco pois ele está upando os Bancos de Dados "hotfixes" e "world" (Por isso colocamos os arquivos.sql dentro da pasta "Release"). Após upar os Bancos de Dados, ele irá atualizá-los. Após isso ele verificará os arquivos da dbc, maps, vmaps e mmaps e pronto.
OBS: Talvez você receba um puta erro relacionado à dbc, pois o Warlords of Draenor (WoD) está em pleno desenvolvimento. Então, pode ser que a versão do Jogo ainda não seja suportada pela TrinityCore. O jogo HOJE está na versão 6.2.2 Build 20444 e a TrinityCore HOJE, suporta a versão 6.2.0 Build 20444, então é lógico que vai dar erro na hora de abrir o "worldserver.exe"


Ligando o Servidor



Vá na pasta do seu World of Warcraft e entre na pasta "WTF". Agora abra o arquivo "Config.wtf" com o Bloco de Notas ou qualquer outro editor de texto.
A primeira linha será SET portal "XX" onde o XX é a região (EUA, Inglaterra, etc.). Mude para SET portal "US", salve e feche o arquivo.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Abra o World of Warcraft (Wow.exe ou Wow-64.exe), logue em alguma conta e entre na tela dos personagens. Espere uns 10 segundinhos e feche o jogo (basta clicar em Quit/Sair).
Vá à pasta "Release", copie o aplicativo "connection_patcher.exe" e cole na pasta raiz do seu World of Warcraft.



Agora arraste o "Wow.exe" ou "Wow-64.exe" até o "connection_patcher.exe", será requisitada a permissão de usuário, basta aceitar. Abrirá uma nova janela de Prompt de Comando, basta esperar que ela logo se fechará e você obterá um novo aplicativo chamado "Wow_Patched.exe" ou "Wow-64_Patched.exe". Se você não entendeu, veja o vídeo abaixo:




Abra novamente o arquivo "Config.wtf" que está dentro da pasta "WTF" que está dentro da pasta raiz do World of Warcraft. Mude o SET portal "US" para SET portal "127.0.0.1".


Finalizando



Abra a janela do "worldserver.exe" e crie uma conta com o seguinte comando:


.bnetaccount create usuario senha


Ex.: .bnetaccount create eric eric4


Agora use o seguinte comando para tornar a conta do tipo GM (Game Master/Mestre de Jogo):


.account set gmlevel conta.usuario nivel-gm reino


Ex.: .account set gmlevel 1#1 3 -1 (A conta.usuario não é o mesmo usuario que você criou anteriormente. Você precisa olhar na coluna username, da tabela account, do Banco de Dados auth. Sempre tem o formato parecido com 1#1, 4#1, etc.).


No comando acima 1#1 é o username da conta que eu criei, 3 é o nível de GM dela e -1 é o ID do reino (-1 equivale a Todos os Reinos).




Agora é só logar (através do "Wow_Patched.exe" ou "Wow-64_Patched.exe") usando as credenciais da conta que você criou. No meu caso o email será eric e a senha será eric4.




Erictemponi


Mensagens : 1825
Pontos : 7296
Evolução : 2


Ver perfil do usuário http://www.fury-share.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum